Minimizando os estragos!

by

Diariamente, nossas atividades repercutem de alguma forma no meio ambiente. Seja pela queima de combustíveis no nosso carro ou pelos recursos naturais que usamos em casa, seja pelo lixo que produzimos, enfim, todos nós temos um “déficit” com o meio ambiente.

A organização Florestas do Futuro (www.florestasdofuturo.org.br) desenvolveu um meio de reverter este quadro de devastação.

Com uma “calculadora de carbono”, (veja AQUI) você pode estimar a emissão de CO2 decorrente de SUAS atividades diárias, e financiar o plantio do número de mudas necessários para compensar suas emissões. Isso também funciona pra empresas.

Bacana, não?

Com isso, além de neutralizar suas emissoes de CO2, você também estará fazendo sua parte pela preservação de nossa biodiversidade e nossos recursos hídricos.

As colaborações individuais começam com uma quantia mínima de três árvores (R$ 36,00). Você pode até achar que a taxa cobrada é abusiva, coisa e tal mas, o fato é que, esta organização garante que a árvore plantada “vingue” e cresça, atingindo assim seu objetivo final. Eles contam com a fiscalização de auditores.

Para empresas – que pretendem fazer parte dessa campanha – o projeto é uma “mão na roda”, pois elas financiam o plantio, sabem que o projeto “vai pra frente” e não precisa se preocupar em fiscalizar as mudas – coisa que acaba estimulando as adesões.

Se vc preferir, pode plantar sua quota no seu jardim e acompanhar – você mesmo e de perto – seu “acerto de contas” com a mãe natureza.

Veja AQUI alguns que já aderiram!😀

* imagem getty images

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: